sábado, 29 de dezembro de 2007

Mata-me de sede

Meu inimigo
meu inimigo,flor motriz
arranca suavemente de mim a pedra do ciúme
a gema do Espírito-Santo
o sangue ruim correndo nas veias

dá-me jóias,fumo,um pouco de perigo

sob as estacas da paixão
leva-me à fonte de fogo
mata-me de sede

flor motriz, meu inimigo
meu inimigo


mata-me de sede

Dand.M

Nenhum comentário: